Capa | Biografia | Loja Virtual | Lançamentos | Atividades Culturais | Sinopses
Onde Encontrar | Dicas | Eventos | E-books grátis | Notícias | Galeria | Exposição | Contato

Confira a dica de atividades em sala de aula!

Bernardo e o Vendedor de Maçãs - Coleção Valores - Volume 1

Autora: Andréa Gustmann Gomes
Ilustrador: Hugo Quintana
 
O livro aborda a importância do respeito diante da diversidade humana de forma lúdica e didática.
 
Sinopse: O vendedor de maçãs intermedia o conflito entre duas crianças provocando a reflexão das  diferenças entre as pessoas através de um comparativo entre maçãs.
 
Esse livro pode ser trabalhado com crianças de pré-escola até o quinto ano. Basta que a proposta das atividades seja adaptada ao nível de dificuldade de cada Ano escolar.
 
Atividades Propostas em sala de aula:
 
1) Que tal trabalhar matemática utilizando as maçãs como elementos para as operações matemáticas? Por exemplo: Bernardo tinha duas maçãs. Ele deu uma maçã ao amigo. Com quantas maçãs Bernardo ficou? Bernardo ganhou 3 maçãs. Ele comeu uma maçã e deu uma maçã ao amigo. Com quantas maçãs Bernardo ficou?
2) Alimentação saudável. Pirâmide Alimentar - frutas, vitaminas, etc.
3) Cores primárias e secundárias. Exemplo: verde é o resultado do azul e do amarelo.
4) Que tal estimular o aluno a refletir sobre a história. O que será que deixou Bernardo tão triste? Você acha que Bernardo fez bem em perdoar o amigo? O que será que eles fizeram depois? Será que o vendedor de maçãs vendia outras frutas também? Será que Bernardo gosta mais das maçãs verdes ou das vermelhas? Essa é uma atividade que fará com que os alunos reflitam sobre a história e estimulem a imaginação. 
5) Estações do ano. Como ficará a macieira nessa estação? Será que ela vai perder todas as folhas? Por que isso acontece no outono?  
6) Bullying - que tal criar o pote das palavras felizes? Casa palavra triste merece uma palavra feliz para ser usado entre as pessoas. 
7) Trabalhar Artes com  natureza morta.  A criança  poderá desenhar e pintar a maçã. Ampliando essa ideia, a criança poderá fazer maçãs e outras frutas com massinha.
 
As atividades propostas podem ser trabalhadas de forma interdisciplinar.
 
Mande para nós as suas ideias! Compartilhe com o grupo suas experiências em relação a essa história!!!!
 
A Zebra e o Burrinho
 
Autora: Andréa Gustmann Gomes
Ilustradora: Helen Indalêncio Gomes
 
O livro aborda a importância da amizade e aceitação às diferenças. A respeito à diversidade surge como tema central do livro.
 
Sinopse: O livro narra a história de uma zebra muito infeliz e solitária. Acontece que ela não queria ser amiga dos outros animais, pois queria ser amiga única e exclusivamente de outra zebra. O macaco, a girafa e o leão resolveram acabar com a tristeza da zebra e pintaram listras em um burrinho. Os dois ficaram muito parecidos e viveram uma grande amizade. Depois de um temporal, a tinta do burrinho saiu com a água da chuva e a zebra não quis mais a amizade entre eles. O burrinho deu a zebra um espelho. O presente fez com que ela entendesse que ninguém é igual a ninguém e que aceitar as diferenças é imprescindível para uma grande amizade.
 
O livro pode ser trabalhado com crianças da pré-escola até o quinto ano. Basta que a proposta das atividades seja adaptada ao nível de dificuldade de cada etapa de desenvolvimento escolar da criança.
 
Atividades propostas: 
 
1) Espelho, espelho meu! - as crianças deverão se olhar no espelho e fazer o seu auto-retrato com a caneta ou giz. As crianças podem também contornar o seu corpo com giz e se desenharem dentro do contorno.
2) Adivinha quem é! - As crianças deverão retirar um papel do saquinho e descrever a criança cujo nome estiver escrito no papel. (Alto, baixo, gosta de correr, não gosta de macarrão, etc) Depois os alunos deverão adivinhar de quem estão falando.
3) Somos amigos! -  Cada aluno poderá escolher um colega e enviar a ele um cartão que demonstre seu afeto por aquela pessoa. 
4) Quem sou eu? - os alunos escolherão um colega para trocar de lugar, mas antes deverão fazer uma entrevista e descobrir quais são os seus maiores medos, suas maiores alegrias, do que gostam, do que não gostam, do que sentem raiva, do que lhes causa tristeza, etc. Após essa entrevista trocarão de lugar com os colegas e depois cada um falará sobre suas descobertas e sua compreensão em relação aos sentimentos dos colegas.
5) teia das amizades: em uma placa de madeira deixar cada aluno escolher a sua posição e marcar um x com giz. Nessas marcações, colocar um prego. Em seguida amarrar um barbante no prego do aluno sorteado para começar a atividade. Este deverá prender o seu barbante ao prego de um amigo. Esse por sua vez prenderam em outro e assim por diante.
6) Reconto - as crianças deverão recriar os personagens e encenar a história. As crianças poderão fazer os personagens com massinha de modelar, rolo de papel higiênico, sucata, etc.
7)   Sou especial! - Cada aluno deverá retirar o nome de um animal de um pote  e argumentar o motivo pelo qual a zebra deve ser amiga desse animal. 
8) Árvores dos Afetos - colocar na árvore todos os sentimentos importantes para estabelecer o afeto entre as pessoas (amor, carinho, respeito, solidariedade, perdão, alegria, felicidade, etc)
9)  Gibizando - as crianças poderão fazer histórias em quadrinhos e contar a história sobre a amizade. Depois poderão trocar seus gibis entre si.
10) Deu zebra! Cada criança vai transformar o seu retrato em uma zebra e depois relatar sobre a dificuldade de ser quem não é.
11) contadores - cada criança grava um vídeo contando a história e ao final o que a zebra pode fazer para ser mais feliz.
 
As atividades propostas podem ser trabalhadas de forma interdisciplinar.
 
Mande para nós as suas ideias! Compartilhe com o grupo suas experiências em relação a essa história!!!!
 
Bullying no Galinheiro
 
Autora: Andréa Gustmann Gomes
Ilustrador: Cristiano Lopes de Souza
 
O livro pode ser trabalhado com crianças da pré-escola até o quinto ano. Basta que a proposta das atividades seja adaptada ao nível de dificuldade de cada etapa de desenvolvimento escolar da criança.
 
A história é voltada ao público infantil e apresenta a prática do bullying em uma sociedade formada por aves. As galinhas e o galinheiro surgem como proposta para conduzir a criança à reflexão e ao pensamento crítico. A história apresenta a temática de forma leve e lúdica, porém lúcida, permitindo com que a criança seja capaz de posicionar-se ativamente a respeito do assunto. Através da história também é possível o desenvolvimento da empatia, que é a capacidade do indivíduo de colocar-se no lugar do próximo.A analogia diante da pratica do bullying nestas sociedades possibilitam as mudanças comportamentais e assim, dá-se por cumprido o objetivo maior deste livro.
 
Sinopse: A história acontece em um galinheiro muito produtivo até a chegada de Bullying, um galinho de briga. A partir desse momento inicia um grande conflito. Como a menina Ana Clara fala galinês, ela investigar o que estaria acontecendo, pois as galinhas ficaram agitadas e não colocavam mais ovos. Ana Clara conversa com as galinhas e descobre que o galinho de briga estava causando toda aquela confusão. Após perceber que estava triste e solitário, Bullying resolve abrir seu coração para as galinhas e pedir perdão por seus erros. A paz volta a reinar no galinheiro.
 
Atividades propostas:
1) teatro: dramatização da história.
2) montar um galinheiro como o da história do livro e todos os seus personagens.
3) experiência do bullying - sugerir que cada criança faça a experiência com dois vasos com plantas. Em um deles, todos os dias a criança vai dizer coisas bonitas e agradáveis. Vai cuidar e dar amor. No outro, a criança vai falar coisas desagradáveis. Ao final do período estipulado, comparar o desenvolvimento das duas plantinhas
4) Bullying do avesso - cada aluno deverá fazer o avesso do Bullying.
5)
 
As atividades propostas podem ser trabalhadas de forma interdisciplinar.
 
Mande para nós as suas ideias! Compartilhe com o grupo suas experiências em relação a essa história!!!!
 

 


Todos os direitos reservados a Andréa Gustmann Gomes. Os textos podem ser copiados, desde que citado o nome da autora.

Site elaborado pela metamorfose agência digital - sites para escritores